HIDRÁULICO | TORNEIRA E/OU MISTURADOR MONOCOMANDO

torneira é um instrumento que comanda o abastecimento de um fluxo de saída colocado na extremidade da tubulação. De outra forma, é uma chave de suspensão que regula a passagem do fluído ou a bloqueia quando for colocado no meio da tubulação de distribuição. O misturador monocomando é também uma torneira, de concepção mais “moderna” tanto estruturalmente quanto estéticamente. Substitui de fato os velhos comandos duplos dos banheiros (lavabo, bidet, banheira, ducha) de modo que o ambiente possa adquirir um aspecto mais elegante.

misturador monocomando além de regular a quantidade do fluxo de saída, consente também a dosagem ideal de água quente ou de água fria através de uma única chave de comando (monocomando) com a vantagem da rapidez. O misturador monocomando pode ser também do tipo com termostato, geralmente aplicado na ducha e permite (através de uma manopla incorporada com graduação) a regulagem da temperatura da água que sai para torná-la constante, e mesmo quando eventualmente a pressão for irregular.

QUAIS SÃO OS PROBLEMAS DERIVADOS DA TORNEIRA E/OU MISTURADORES MONOCOMANDO? QUAIS SÃO AS SOLUÇÕES À ESTES PROBLEMAS?

A falta de capacidade em manter a água internamente provoca a saída d’água (goteira). A intervenção ideal feita pelo HIDRÁULICO é a de substituir as guarnições e o anel interno (torneiras de velha geração) ou mesmo limpar a esfera (torneira mais ou menos recentes chamada também de vávula), os invólucros da mesma e também as guarnições quando existem, de outro modo substituir os componentes que funcionam mal por causa do desgaste.

Se a falta de capacidade em reter a água for externa à torneira, o vazamento corresponderá também à ela e ao nível do sanitário. A causa depende do mau funcionamento da “caixa de vedação” (tradicionalmente a “estopa” serve para amalgamar e pressionar as juntas com roscas dos tubos em particular naqueles em Aço zincado) denominada assim pela sua função de comprimir a guarnição de teflon. Também neste caso o HIDRÁULICO deve extrair a caixa de vedação e substituir as guarnições.

A água, transportada pela tubulação da rede hídrica, frequentemente conduz pequenos fragmentos de corpos sólidos constituídos por grãos minerais (areia, sais) ou também por pequenos fragmentos de calcáreo. Quando as impurezas entram nos sanitários de casa (banheiros ou cozinha) podem provocar danos aos modernos  misturadores, as vezes verdadeiros elementos decorativos de grande valor.

Para limitar os danos aos modernos  misturadores devidos às impurezas d’água o HIDRÁULICO coloca uma outra torneira embaixo do lavabo com filtro (“filtro” composto de uma pequena rede de Aço com uma malha muito fina). Internamente, no moderno misturador, de fato existe uma espécie de pistão (disco) que mistura a água quente e a água fria para dosar de modo que mais agrade no momento de usá-la. Este elemento é chamado cartucho, é feito em plástico, cerâmica, e com pequenas e delicadas guarnições.

Quando a torneira que não tem capacidade de reter a água, pinga, e esta for um misturador, o HIDRÁULICO pode controlar se o cartucho não esteja sujo, de outro modo ele deve substituí-lo.